Monday, April 21, 2008

Decisões pelo Brasil

Nas definições dos Estaduais pelo Brasil, não faltou emoção. Em Minas Gerais, os principais clubes se enfrentam na final mais uma vez. Já em São Paulo, dois clubes buscam o título após anos na fila. No Rio, o principal clássico dos últimos meses volta à acontecer na decisão, após o Bota vencer o título da Taça Rio sobre o Flu (foto principal).

Tupi 0 x 1 Atlético

O resultado foi sofrido, mas colocou o Atlético na final do Campeonato Mineiro. Com apoio de um excelente público no estádio Mário Helênio, o Tupi partiu pra cima no início e por pouco não marcou. No segundo tempo, o time da capital segurou as investidas do Tupi e fez o único gol da partida aos 45 minutos. Em passe de Danilinho, o jovem Renan Oliveira marcou um lindo gol, tocando de letra e antecipando o goleiro. Na final, o Galo precisa tirar a vantagem que é do Cruzeiro e busca o 40º título estadual.

Cruzeiro 3 x 1 Ituiutaba

Depois de dois resultados ruins, o Cruzeiro voltou ao Mineirão pra enfrentar o Ituiutaba. O time do Triângulo saiu na frente pelos pés de Moreno, aos 22 minutos do 1º tempo. O jogador enganou Fábio ao tentar cruzar e acertou ângulo. O Boa segurou como pôde, mas na etapa final, Espinoza igualou o jogo após dar um chute debaixo das pernas do bom goleiro Daniel. O gol da virada saiu aos 26 minutos com um belo chute de Leandro Domingues, que acabara de entrar. Com um jogador a mais, já que o lateral-direito Peterson foi expulso, o Cruzeiro aproveitou pra ampliar em outro belo gol. Após cruzamento de Marcelo Moreno pela direita, o atacante Guilherme acertou de primeira no canto direito selando a classificação para as finais.

Guaratinguetá 1 x 2 Ponte Preta

Em noite espetacular e inesquecível do goleiro Aranha, a Ponte Preta levou a melhor no jogo de volta e garantiu a vaga na decisão. Com um belo público na cidade de Guaratinguetá, o time da casa abriu o placar aos 25 minutos, pelos pés de Nenê. A torcida só teve dois minutos pra comemorar, já que Luís Ricardo aproveitou escanteio batido por Renato para empatar. A chance do desempate veio aos 35 minutos, em pênalti cobrado por Michael, mas Aranha espalmou pra escanteio (foto destaque). Com a expulsão de Eduardo Arroz na etapa final, o Guará partiu pra cima, mas em cinco grandes oportunidades esbarrou no goleiro Aranha. E numa bobeira da zaga do time da casa, Washington aproveitou para virar o jogo e colocar a Macaca na final do Paulistão após 27 anos.

Palmeiras 2 x 0 São Paulo

Com o apoio de sua torcida, o Palmeiras jogou no ataque o tempo todo, mas esbarrava na boa defesa são-paulina. O time tricolor respondia no contra-ataque e por pouco não abriu o placar em chute de Adriano. Sem espaços para criar alguma jogada perigosa, o meia Léo Lima (foto destaque) arriscou da intermediária e Rogério Ceni aceitou. Na etapa final, foi a vez de Marcos trabalhar em pelo menos três boas oportunidades do São Paulo. Com a expulsão de André Dias – levou o segundo amarelo após acertar o rosto de Valdívia com o cotovelo -, o alviverde aproveitou para ampliar aos 39 minutos. Em arrancada rápida, o jovem Lenny só teve o trabalho de tocar para Valdívia, que conferiu para o gol vazio. A nota negativa foi o uso de spray de pimenta na tubulação de ar do vestiário do São Paulo. Se isso for confirmado, o Palmeiras merece ser punido. Afinal, futebol se ganha dentro de campo. Atitudes como essas deveriam ser banidas do esporte.

Botafogo 1 x 0 Fluminense

Em tarde quente no Rio de Janeiro, o Botafogo venceu o Flu e encara o Fla pela quarta vez no ano. O time das Laranjeiras teve ótima chance para marcar, mas Washington desperdiçou a penalidade ao acertar a trave esquerda de Castillo. Já no segundo tempo, o jogo foi bastante equilibrado e as duas equipes tiveram boas chances para marcar. Mas o único gol saiu aos 39 minutos, quando o ex-tricolor, Renato Silva (foto destaque), aproveitou um bate-rebate na área para dar o título da Taça Rio ao Botafogo (foto principal). O time alvinegro teve Alessandro e Jorge Henrique expulsos, mas o Flu não conseguiu tirar proveito. A terceira vitória do Botafogo contra o Tricolor garantiu a vaga na final do Campeonato Carioca.

Demais estaduais:

Rio Grande do Sul: O Juventude garantiu vaga na decisão após reverter a vantagem que era do Internacional-SM. No jogo de volta, o Ju venceu por 4 a 2 e busca o título após 10 anos. No outro jogo, o Internacional venceu o Caxias por 2 a 1, com belos gols do meia Alex (foto destaque). Já o Colorado busca o seu 38º estadual.

Baiano: Pelo quadrangular final, o Bahia não tomou conhecimento do maior rival e goleou no estádio Barradão. Com dois gols de Rogério e os outros de Elias e Alison, o tricolor aplicou 4 a 1 e lidera o campeonato.

Paranaense: Após a vitória fora de casa, o Coritiba voltou a vencer o Paraná e está na decisão. Os dois gols de Keirrison colocam o Coxa na disputa de seu 33º estadual. Na outra semifinal, o Furacão perdeu para o Toledo, mas garantiu vaga para a final. O time do interior precisava da vitória por 2 gols de diferenças, mas só conseguiu vencer pelo placar mínimo.

Fotos: GazetaPress / VIPCOMM /Agência Lance / Washington Alves - Estado de Minas / Emmanuel Pinheiro - Estado de Minas

3 Comments:

Blogger Filipe Araújo said...

vou arriscar uns palpites: Galo, Botafogo, Palmeiras e Inter.

abrazo!

http://gambetas.blogspot.com

Tuesday, April 22, 2008 4:43:00 AM  
Blogger Vinicius Grissi said...

Estão abertas as inscrições do Bolão Marcação Cerrada do Campeonato Brasileiro.

Cadastre-se e participe.

Grande abraço!

http://cerrada.blogspot.com

Monday, April 28, 2008 8:00:00 AM  
Blogger Nanda Belém said...

Flamengo vai ser campeão!!!!!! e não se fala mais nisso! ahiuahiuahaiuhaiuhaiahiahia

atualizeiiiiiiiiiii!!!!!

beijossssssssssssss

Monday, April 28, 2008 11:26:00 AM  

Post a Comment

Subscribe to Post Comments [Atom]

<< Home